Início / Resenhas / Literatura Infantil / Resenha Premiada | Lavínia e a árvore dos tempos, de Lucinei M. Campos

Resenha Premiada | Lavínia e a árvore dos tempos, de Lucinei M. Campos

Lavínia Resenha Premiada | Lavínia e a árvore dos tempos, de Lucinei M. CamposLavínia é uma menina de 9, quase 10 anos, um pouquinho diferente das outras de sua idade. Sem amigos na escola, sem um contato maior com seus pais, leva uma vida muito solitária para alguém tão pequeno. Seu único amigo, Leo, é quem divide com ela os anseios e questionamentos de sua infância, suas arquitetadas fugas dos Valentões e Marrentinhas que a perseguem na escola. Tudo muda quando recebe de presente uma fada, chamado Lorivaldo e que odeia seres humanos. Juntos, vão descobrir a magia escondida no mundo e os segredos da Árvore dos Tempos.

RESENHA

Lavínia é a típica garota de 9 – quase dez – anos de idade, que não se adapta bem às manias, trejeitos e hábitos dos amiguinhos da escola. Ela sempre se sente diferente, prefere ficar isolada e acaba por receber punições por chegar atrasada, mesmo estando na escola já logo cedo. É que ela fica no seu cantinho isolado o maior tempo possível, a fim de evitar encontrar “amigos” no caminho. De amigo de fato, só podia contar com Marcos Paulo, mais conhecido por Léo (?!?!), que morava ao lado da casa de Lavínia. Com diferença de meses de idade, e poucos centímetros de altura, os dois são muito companheiros e viverão juntos aventuras que nem a mente criativa de Léo seria capaz de prever.

Enquanto Lavínia se desdobrava entre as angústias da escola, ajudar com os afazeres de casa e a amizade de Léo, num munto paralelo ao seu, Laus, um fada, estava passando por um julgamento. Sua punição? Ter por faduária a jovem Lavínia. Pena porque Laus não gosta nada dos humanos – segundo o que os seres mágicos acreditam. E como agravante ele está para ser enviado a ela sob uma nova fisionomia e nome. Junto a ela ele será Lorivaldo, nordestino arretado de peixeira e tudo. Realmente não será uma tarefa fácil.

O livro de Lucinei é uma gostosa aventura adolescente, próprio para o público infanto-juvenil – que poderá inclusive se identificar, e muito, com Lavínia ou Léo. Porém em nada pode ser desabonado para o leitor adulto. Sem dúvida  alguma vai trazer horas de diversão com este anjo nada convencional e este casal de amigos dos mais bacanas.

Durante a leitura, pode-se notar nas entrelinhas algumas preocupações do autor em indicar atitudes, escolhas e caminhos do bem. Muito no sentido de que fazer o bem é sempre a melhor escolha, sempre o que traz mais resultados. Mas vale ressaltar que é feito de forma sutil e bem inserido na história, não dando a sensação de ‘lição de moral’, mas simplesmente levando a uma reflexão natural, automática.

O fada é um personagem muito bem trabalhado pelo autor, e posso dizer até que chama ainda mais atenção que a própria protagonista da história. Durante várias páginas o leitor se pergunta se ele de fato é mal, se ele de fato é bom, se realmente precisaria da punição, se ele é um traidor ou um amigo. Sem entregar pontos chave da história, posso dizer que ele surpreende.

Ambientado no Brasil, com a inserção de alguns velhos conhecidos de nosso folclore, ‘Lavínia e a árvore dos tempos‘, é um livro mágico e real ao mesmo tempo. Remonta a algumas vontades de cada um de nós dos tempos de infância, como ter uma “Assombra” que pudesse nos substituir em dadas circunstâncias, ou ter uma fada que satisfizesse qualquer vontade, bastando que pronunciemos o desejo, ou ainda de ter um amigo especial, que topasse toda e qualquer situação ao nosso lado. É, sem dúvida uma aventura deliciosa em forma de leitura.

Nesta edição que me foi cedida em forma de parceria pelo autor, encontrei alguns erros de revisão que certamente numa nova edição devem ser corrigidos. A diagramação está muito bem feita, com inserção de detalhes que deixam a obra mais graciosa.

Em suma, é um livro divertido, leve, ágil e que pode ser lido por todas as idades.

RESENHA PREMIADA

Este livro poderá ser seu! Para tal, basta preencher o formulário abaixo, e deixar um comentário na postagem. Pronto! Já estará concorrendo!

Sorteio dia 12 de agosto, sábado, à meia noite.

Participe e boa sorte!!!

FORMULÁRIO – CLIQUE AQUI

Lavínia e a árvore dos tempos

Capa & Diagramação
Narrativa & Diálogos
Enredo
Personagens
Revisão

Muito bom!

Ambientado no Brasil, com a inserção de alguns velhos conhecidos de nosso folclore, 'Lavínia e a árvore dos tempos', é um livro mágico e real ao mesmo tempo. Remonta a algumas vontades de cada um de nós dos tempos de infância, como ter uma "Assombra" que pudesse nos substituir em dadas circunstâncias, ou ter um anjo da guarda que satisfizesse qualquer vontade, bastando que pronunciemos o desejo, ou ainda de ter um amigo especial, que topasse toda e qualquer situação ao nosso lado. É, sem dúvida uma aventura deliciosa em forma de leitura.

Sobre Nadja Moreno

Administradora, professora, blogueira, mãe, leitora voraz. Muitas facetas, uma só alma. Sonho com um país mais leitor, mais crítico, mais evoluído e altruísta.

Veja Também

Resenha | Sétimo, de André Vianco

Após acordar seis vampiros portugueses vindos em uma caravela do “Rio D’Ouro” e resgatar sua …

Resenha | Assim na terra como embaixo da terra, de Ana Paula Maia

“Durante todo o fim de tarde os homens permanecem entreolhando-se a distância vez ou outra …

Literatura Nacional | Sob o olhar obtuso da morte, de Darlon Carlos

Rotineiramente nos chega aqui nos bastidores informações de novos livros apontando por aí… vários deles …

5 comentários

  1. Achei a capa uma gracinha! Parece ser uma aventura encantadora e cheia de ensinamentos. Adoro histórias com fadas e seres mágicos. Tenho certeza que meus alunos irão amar!! E eu tb, claro!!

  2. Já li a obra Violeta não sabe amar, do Lucinei e me apaixonei pela escrita! Ansiosa para ler a Série da Lavínia !

  3. Nadja!
    Gosto demais dos livros infantos porque os autores sempre tem grande criatividade.
    No caso aqui ele conseguiu misturar realidade e fantasia, trouxe uma ambientação brasileira e ainda um personagem arretado de bom, mostrando o nordestino, achei fascinante!
    Participo e mais tarde sairá divulgação no blog.
    RUDYNALVA CORREIA SOARES
    rudynalva@yahoo.com.br
    OBRIGADA POR SUA AMIZADE! FELIZ DIA DO AMIGO!
    “Educar é semear com sabedoria e colher com paciência.” (Augusto Cury)
    Cheirinhos
    Rudy
    TOP COMENTARISTA DE JULHO 3 livros, 3 ganhadores, participem.

  4. Sempre vejo muitas resenhas a respeito deste livro, e acho encantador a forma como o autor aborda vários assuntos de maneira lúdica, para que seja uma leitura para todas as idades, como por exemplo, que nem sempre fazer e um caminho viável. Esta deve ser uma leitura leve e divertida, e por pretendo me aventurar.

    Participe do TOP COMENTARISTA de Julho, para participar e concorrer aos livros “O Casal que mora ao lado” e “Paris para um e outros contos”.
    http://petalasdeliberdade.blogspot.com.br/

  5. Que livro lindo! Já fiquei apaixonada! Me identifiquei muito com a Lavinia, pois eu era mais ou menos assim quando era criança, sempre fui mais quieta e gostava de ficar no meu cantinho rs… ansisosa pela leitura!

Deixe uma resposta

Loading Disqus Comments ...
Loading Facebook Comments ...
Pular para a barra de ferramentas