Início / Resenhas / Literatura Estrangeira / Resenha | O Feiticeiro de Terramar, de Ursula K. Le Guin

Resenha | O Feiticeiro de Terramar, de Ursula K. Le Guin

FeiticeirodeTerramar_CapaWEB-230x330 Resenha | O Feiticeiro de Terramar, de Ursula K. Le GuinHá quem diga que o feiticeiro mais poderoso de todos os tempos é um homem chamado Gavião. Este livro narra as aventuras de Ged, o menino que um dia se tornará essa lenda.

Ainda pequeno, o pastor órfão de mãe descobriu seus poderes e foi para uma escola de magos. Porém, deslumbrado com tudo o que a magia podia lhe proporcionar, Ged foi logo dominado pelo orgulho e a impaciência e, sem querer, libertou um grande mal, um monstro assustador que o levou a uma cruzada mortal pelos mares solitários.

Publicado originalmente em 1968, O feiticeiro de Terramar se tornou um clássico da literatura de fantasia. Ged é um predecessor em magia e rebeldia de Harry Potter. E Ursula K. Le Guin é uma referência para escritores do gênero como Patrick Rothfuss, Joe Abercrombie e Neil Gaiman.

Resenha

O Feiticeiro de Terramar é um clássico da literatura fantástica publicado originalmente em 1968, ele narra a história de Duny, um menino de 13 anos  também conhecido como Gavião e que mais tarde é nomeado como Ged (seu verdadeiro nome secreto). Ged deixa uma das ilhas do Arquipélago de Terramar com o objetivo de aperfeiçoar as habilidades que descobre ainda na infância e se tornar um grande feiticeiro. Na escola de magos ele se destaca por sua inteligência e imensa capacidade de feiticeiro, porém ele é um garoto arrogante que se acha superior aos outros e busca sempre por novas magias. Certo dia, Ged se descontrola durante uma disputa e executa uma feitiço proibido que libera um espírito maligno em sua dimensão, o que trás consequências terríveis para ele e para o mundo…

Aquela criatura não tinha corpo, era cega à luz do sol, uma criatura de um reino sem luz, um não lugar, atemporal. Ela devia segui-lo ao longo do dia, cruzando os mares do mundo iluminado pelo sol, e podia assumir forma visível somente em sonhos ou na escuridão.

O Feiticeiro de Terramar, livro I da série Ciclo Terramar,  é uma obra que percorre perfeitamente o famoso monomito Jornada do Herói“. Nela temos o nosso herói Ged que sai de seu mundo “comum” atendendo ao chamado da aventura, em uma jornada repleta de todos os seus bons elementos. É uma trama bem construída, recheada de excelentes diálogos e personagens interessantes. Um ponto muito positivo da narrativa da Ursula é a forma como ela vai direto ao assunto, sem enrolar muito e seguir na trama.

Ainda falando nos pontos positivos, vemos presente um certo pioneirismo ao não encontrarmos nenhuma guerra sangrenta ou protagonista destinado a salvar o mundo (pelo menos não de forma direta), vemos sim uma guerra pessoal, uma jornada de descobrimento de um aprendiz arrogante se transformando em um sábio mago. Outro detalhe diferente das obras de fantasia que conhecemos é o fato de termos protagonistas de pele escura. Sim, Ged não é um herói branquinho como vemos em tudo que é livro de fantasia, ele é descrito como de uma pele “marrom-acobreado”!

Aquele que abre mão do próprio poder, algumas vezes, se enche de um poder maior ainda.

Com relação ao projeto gráfico, temos uma linda capa que descreve bem um dos grandes momentos do livro.  A diagramação segue o belíssimo trabalho de sempre da Arqueiro. Já a revisão, continua excelente como sempre.

Nunca havia lido um livro da Ursula, mas ela me impressionou enormemente, pretendo conhecer outros livros de sua obra. Quanto ao Feiticeiro de Terramar, ele agradará a todos os fãs de uma boa fantasia, tanto os mais antigos quanto os mais novos. Mas, principalmente, agradará àqueles que procuram algo novo em meio a uma imensidão de livros do gênero.

Série “Ciclo Terramar”

  1.  O Feiticeiro de Terramar
  2.  As Tumbas de Atuan
  3.  A Praia mais Longíqua
  4.  Tehanu, o nome da estrela
  5.  O Outro Vento

Trailer de um anime japonês chamado Gedo Senki (ou Contos de Terramar), baseado na série “Ciclo Terramar”

O Feiticeiro de Terramar

Capa & Diagramação
Narrativa & Diálogos
Enredo
Personagens
Revisão

Excelente!

Feiticeiro de Terramar agradará a todos os fãs de uma boa fantasia, tanto os mais antigos quanto os mais novos. Mas, principalmente, agradará àqueles que procuram algo novo em meio a uma imensidão de livros do gênero.

Sobre Cleson Cruz

Sou potiguar com muito orgulho, pai e marido. Engenheiro Eletricista e Designer Gráfico de formação. Gosto muito de música e cinema. Sou viciado em séries de TV. E leio muito quadrinhos e livros desde a minha tenra infância.

Veja Também

Resenha | Os Filhos da Tempestade, de Rodrigo de Oliveira

Uma aventura surpreendente, em um dos lugares mais misteriosos da terra. Um grupo de jovens …

Resenha | Amanhã eu paro!, de Gilles Legardinier

Como todo mundo, Julie já fez muitas coisas idiotas na vida. Ela poderia contar sobre …

Resenha | Boneco de Pano, de Daniel Cole

VOCÊ ESTÁ NA LISTA DE UM ASSASSINO. E ELA DIZ QUANDO VOCÊ VAI MORRER. O …

2 comentários

  1. Ouço falar muito na autora e há tempos tenho ela na minha listinha de autores que preciso ler um dia – me interesso muito por livros de ficção científica, mais até do que apenas de fantasia, e Ursula é uma das referências no gênero. Bem, quem sabe ainda este ano não consigo pegar algo dela para ler.

    Bjs,
    Aline – Livro Lab

Deixe uma resposta

Loading Disqus Comments ...
Loading Facebook Comments ...
Pular para a barra de ferramentas