Início / Resenhas / Literatura Estrangeira / Resenha | A Torre do Terror, de Jennifer McMahon

Resenha | A Torre do Terror, de Jennifer McMahon

torre_do_terror-202x300 Resenha | A Torre do Terror, de Jennifer McMahonUm segredo macabro habita o Hotel da Torre. Nos anos 1950, o hotel era a maior atração da pequena Londres, em Vermont. Hoje, está abandonado, vivo apenas na memória de três mulheres — as irmãs Piper e Margot e sua amiga, Amy Slater, filha da família que o administrava. Elas costumavam brincar lá quando pequenas, até o dia em que desenterraram algo macabro e sinistro do passado dos Slater — que determinou o fim de sua amizade. Com o passar dos anos, as irmãs fizeram tudo o que puderam para deixar o episódio para trás e seguir com a vida, até que um dia Piper recebe uma ligação de Margot: Amy e sua família estão mortas, supostamente pelas mãos da própria Amy. Antes de morrer, ela deixou escrita uma mensagem que as irmãs sabem ser direcionada a elas. De repente, Margot e Piper são forçadas a revisitar aquele fatídico verão.

Resenha

Oi gente que lê, hoje vou falar sobre A Torre do Terror, romance americano lançado no Brasil em 2017 pela editora Record, escrito por Jennifer McMahon, autora Best Seller do New York Times de sete livros de suspense, dentre eles Prisioneiros do Inverno.

Vamos lá, a história se passa em três décadas diferentes, contando como três gerações de mulheres vão descobrindo segredos a muito tempo escondidos.

Tudo começa na década de cinquenta, em um hotel construído a beira de uma rodovia em uma pequena cidade de Londres, Vermont. Esse hotel fora construído com uma pequena singularidade em relação aos demais, além de seus “28” quartos também fora construído em sua propriedade uma torre de três andares em homenagem a torre de Londres.

Nele conhecemos Sylvia uma garota que transborda simpatia, encanto e energia que sonha em ser atriz em Hollywood quando adulta. E sua irmã Rose, totalmente o oposto de Sylvia,  com o passar do tempo Rose vai observando e juntando fatos que depõem contra a figura doce e pacifica da irmã, e com isso vai crescendo a ideia de seus pais, de que  ela na verdade tem apenas inveja e mágoa por não ser tão graciosa e inteligente como sua irmã Sylvia. Admito que nesse ponto do livro eu concordava com uma pontada de irritação com os pais.

“Rose entrou na cozinha acendeu as luzes, abriu uma gaveta e retirou a maior faca que conseguiu encontrar. Dez minutos depois ouviu Sylvia tentando abrir a porta…”

1989, aqui vamos acompanhar o desfecho de alguns mistérios deixados por Sylvia e Rose. Uma mala escondida… o vigésimo nono quarto… Passei por momentos de angústia e ansiedade acompanhando as descobertas de Amy, garota esperta, cheia de vida e beleza, filha de Rose. Amy tem a companhia de suas inseparáveis (ou nem tanto) melhores amigas, Piper e Margot, também irmãs, e não podemos deixar de lado o jovem, desengonçado e apaixonado, Jason.

E por fim chegamos a 2013

“Quando a sua porta bater a morte
Você pensara já ter visto seu rosto…”

No desfecho da nossa história encontramos novamente vários personagens das duas décadas anteriores, com situações ora assustadoras, ora surpreendentes. Um entrelaçamento de vidas que não se vê com frequência, situações de tirar o fôlego e dores atrozes.

Resumidamente foi um livro que demorei um pouco para desenvolver a leitura devido à sua riqueza de detalhes, mas sem dúvida possui enredo interessante e linguagem simples, 374 paginas que me transportavam de história em história entrelaçando-as e deixando-as cada vez mais instigante e tensa.

“E mais fácil fingir que as coisas que nos assustam simplesmente não existem”

A Torre do Terror

Capa & Diagramação
Narrativa & Diálogos
Enredo
Personagens
Revisão

Muito bom

demorei um pouco para desenvolver a leitura , mas é um livro de enredo interessante e linguagem simples, 374 paginas que me transportavam de historia em historia entrelaçando-as e deixando-as cada vez mais instigante e tensa.

Sobre Liliane Oliveira

Nascida em 1984, virginiana,mineira de criação e coração.
Leitora compulsiva critica por natureza e apaixonada por livros desde sempre.

Veja Também

Lançamento | Os Legados do sol e da lua, de Murillo Magalhães

E esta semana começou a pré venda de “Os legados do sol e da lua“, …

Resenha | Blog 3k, de Michelle Louise Paranhos

Quatro amigas formavam o Quarteto Ternurinha nos Anos 70. Anos depois, seus filhos se reúnem …

Resenha | As altas montanhas de Portugal, de Yann Martel

Três jornadas, três corações partidos e uma pergunta: O que é uma vida sem histórias? …

Deixe uma resposta

Loading Disqus Comments ...
Loading Facebook Comments ...
Pular para a barra de ferramentas